+55 19 3288.0861
Natureza e Poder interior

7 Passos para Revelar seu Poder Natural

(Por Isa Gama)

A Natureza e o Poder Pessoal

Neste post mostro 7 passos que te coloca em contato com a natureza interior e exterior para revitalizar corpo-mente-espírito e atingir seu poder natural! A natureza é um potente vetor de crescimento pessoal capaz de melhorar profundamente a qualidade de vida e pôr em evidência o seu lado mais autêntico. Momentos passados em profunda sintonia com a natureza propiciam sensações de revitalização, de clareza sobre a vida, de autoconfiança, de estar no caminho certo, de que tudo está no lugar e de que as coisas estão funcionando perfeitamente. Esse tipo de experiência nos faz sentir otimistas, invencíveis, autênticos, capazes de atingir todo o nosso potencial e realizar nossos mais caros sonhos!

 

A Ciência Comprova: a Natureza faz Bem à Saúde

A ciência continuamente demonstra os bons efeitos de um contato saudável com a natureza. Estudos interessantes revelam os inúmeros benefícios que o contato com a natureza traz. Por exemplo, o contato com a natureza pode ajudar a diminuir a depressão e facilitar na cura de pacientes em hospitais. Um estudo com mulheres com câncer mostrou que estar em ambientes naturais ajudava a restituir a atenção. Outros estudos comprovam uma correlação entre bem-estar e o ato de frequentar espaços naturais, e que quanto maior a biodiversidade de um ambiente, maior a quantidade de benefícios para a saúde psico-fisica (ver também este link). Outro estudo demostrou que a prática de exercícios em ambientes naturais incrementa a saúde psico-física.

Enfim, não faltam exemplos de pesquisas que comprovem o que, no fundo no fundo, todos já sabemos – mas poucos realmente valorizam e colocam em prática: estar em contato mais estreito com a natureza melhora o nosso bem-estar holístico.

 

Perdidos na Correria do Cotidiano

Hoje vivemos na correria, e raramente temos tempo para observar atentamente o que nos está acontecendo. Na maioria das vezes fazemos coisas automaticamente, sem sentir o tempo passar, e isso nos dá a sensação de que o tempo nunca basta, que estamos sempre atrasados e que temos que correr.

“Tem gente que não sabe para onde ir, mas está correndo para ir imediatamente” Tonino Guerra

E o pior, não aproveitamos as pequenas coisas que nos nos podem mudar o dia para a melhor, como um simples sorriso, um gesto de compreensão, um por-do-sol, um passarinho cantando, um saborear de um bom prato, etc. Isso porque não estamos ligados no que acontece e nos deixamos levar por pequenas preocupações e coisas inúteis que nos deixam irritados e no fim perdemos muito tempo e energia nessas bobeiras (que às vezes achamos que são coisas importantíssimas, como as brigas no trânsito). Ligar nossas antenas para os pequenos presentes que o mundo externo nos dá, é um instrumento muito útil para quem quer ter uma vivência mais harmônica e menos estressante. É a chance que podemos dar a nós mesmos para refletir sobre o que realmente importa nessa vida, e dar ênfase a elas, sem desperdiçar nosso tempo e energia em coisas mesquinhas.

Mas para isso é necessário praticar a observação do agora, estar no momento presente, ou seja, cultivar um estado de mindfulness.

A natureza é um importante aliado para quem quer mais clareza e foco nas coisas que realmente contam e que nos fazem sentir bem. E o melhor, é de graça e qualquer pessoa pode desfrutar deste “coach” incrível que é a natureza. Para isso descrevo esses 7 passos para estreitar suas relações com a natureza: iniciando pela sua natureza interior, aprendendo ouvir a voz da sua sabedoria natural, para depois entrar em contato com a natureza exterior e tirar o maior proveito dessa relação profundamente reveladora e “empodeirante”.

Então aproveite essas 7 dicas para despertar o poder regenerador da natureza no seu sistema corpo-mente-espírito:

 

Passo 1: Contactar a Natureza Interior: Estabeleça uma Prática Meditativa

Aquietar a mente, o intelecto e o ego se colocando em um estado de consciência relaxada, te dá a chance de entrar em contato com quem somos realmente, com a nossa natureza interna. A meditação faz emergir essa nossa ligação intrínseca com o mundo natural do qual fazemos parte, mas que no corre corre diário nos esquecemos. Assim é possível entrar no nosso âmago, sentindo a nossa fonte de vida que sabe o que de fato é bom para nós, e deixamos de lado os pensamentos ordinários. Comece praticando 10 minutos por dia (talvez você consiga ficar parado neste estado somente por 5 minutos, mas já é um começo). O importante é persistir até criar um novo hábito que é considerado entre os mais saudáveis e fundamental para se focalizar nas coisas realmente importantes. Com o tempo você irá saber discernir as suas “vozes” mentais, se focalizando naquela que te direciona para os seus objetivos. Isso quer dizer desenvolver a capacidade de reconhecer quais são os pensamentos incessantes, aqueles que nos desmotivam, nos freiam, nos fazem sentir medo de agir, nos paralisam e nos auto-criticam. A meditação te ajudará a “ouvir” o seu silêncio autêntico que te coloca em contato com tua parte mais íntima e essencial, ou seja, com quem você realmente é. Essa voz te faz sentir potente, otimista, encarar as dificuldades como desafios saudáveis, ter mais clareza do que você realmente quer construir na vida. Isso ajuda a expandir a consciência e experimentar a sensação de fazer parte insubstituível do universo. Você estará se re-sintonizando com a sua natureza interior, e isso fará com que você fique mais predisposto a perceber as oportunidades e lições que a vida te apresenta. Também estará mais propenso à cura, seja ela corporal, mental, ou espíritual. É uma prática utilizada por inúmeras pessoas de sucesso.

 

Passo 2: Desenvolva a Capacidade de se Encantar

Comece a observar as coisas do seu cotidiano que talvez você nunca tenha percebido, dando especial atenção aos elementos da natureza. “Abra” os seus canais sensoriais para essa experiência: ouça o canto dos pássaros e veja isso como um presente que a natureza nos dá gratuitamente! Veja nuanças nunca percebidas de árvores: olhe bem a estrutura dos galhos, note árvores ou plantas que nunca tinha notado, mande mentalmente um “oi” ou um “obrigado” para esses habitantes terrestres por ajudar a embelezar o caminho por onde passamos. Abrace uma árvore prestando atenção ao que você sente. Sinta o vento que toca seu corpo e te faz sentir leve, refrescado, e agradeça. Observe com curiosidade uma paisagem bonita, um por do sol, uma chuva, flores, insetos, etc. Observe como você se sente ao praticar o encantamento pelas coisas simples. Como se você voltasse a ser aquela criança curiosa que se maravilha com o mundo que explora. Praticar a gratidão é a forma mais fácil de se encantar com tudo o que nos circunda, e isso torna nossos dias mais leves e agradáveis, além de ser uma coisa bem fácil de fazer, que nos distrai do estresse e da correria, nos colocando em um estado de presença e consciência de que o mundo está constantemente nos dando a possibilidade de sorrir! E ele está mesmo, porque o universo te ama! A idéia é virar uma silenciosa testemunha do estado das coisas internas e externas. Você vai se encantar ao perceber detalhes que nunca tinha visto, sensações novas ou repetidas que te acontecem, e isso será como uma criança fazendo novas descobertas: um encanto!

 

Passo 3: Imersão na Natureza 1: Caminhada Meditativa

Agora que você já sabe entrar em contato com seu EU interior (Passo 1:meditar) e resgatou a sua capacidade de se encantar como se fosse uma criança (Passo 2), é hora de interagir de forma profunda e qualificada com a Natureza. Programe-se para ir a um ambiente natural (onde você se sinta seguro). Se você não conseguir ir em lugares abertos e naturais, pode fazer esse exercício em casa, colocando-se em uma posição confortável, fechando os olhos, e conscientemente visualizando-se em um ambiente natural. Faça uma caminhada meditativa que consiste em simplesmente caminhar em silêncio (caso você esteje acompanhado, cada um se concentra na própria caminhada) por no mínimo 15 minutos. Neste percurso “ligue” as suas antenas sensoriais: ouvidos, nariz, boca, pele e olhos, e observe com os sentidos tuuudo que você conseguir, curtindo cada detalhe que te chama a atenção! Abra-se para essa experiência sensorial e perceba o mundo interior e exterior. Aprecie.

 

Passo 4: Imersão na Natureza 2: Diálogo com o Mundo

Este exercício pode ser feito em um ambiente natural ou em casa através da visualização. Como no Passo 3, você vai a um lugar natural ou o visualize. Ao entrar no ambiente faça um minuto de centratura: perceba seu corpo, observe as suas emoções, e os seus pensamentos, sem se deixar levar por eles (só observe como se fosse alguém “de fora”). Comece a sua caminhada na natureza (se estiver acompanhado, fiquem em silêncio, cada um na sua), e pare quando você sentir que algum elemento natural poderá ser seu interlocutor: observe quando você sentir uma atração, uma ressonância, ou algo que te chama a atenção e te dá a sensação de ser acolhido. Pode ser uma árvore, uma pedra, uma folha, um animal, a água, uma fruta, enfim, aquilo que você se sentir “chamado”. Dialogue com esse elemento: coloque para ele uma questão que neste momento você quer resolver, algo que você queira desabafar ou conversar. Observe idéias ou possíveis intuições que te aparecem como resultado deste “diálogo”. Pode ser que na primeira vez que você faça isso não te venham “respostas”, pois ainda não estamos com esse “canal” bem desenvolvido. Com a prática ele se tornará mais afinado e você começará a perceber “respostas” ou um diálogo fluindo.

 

Passo 5: Escreva o que Você Sente 

Escreva as emoções, sentimentos, idéias que vêm à sua mente como resultado destes exercícios  dos Passos 3 e 4. Essa prática de “journaling”, ou seja, escrever em um diário pessoal, é muito útil em processos de cura (corporal, mental e espiritual). Nos dá a possibilidade de esclarecer os nossos pensamentos, sentimentos e experiências. Ela também pode ser feita como uma pequena reflexão feita ao acordar ou antes de dormir sobre as coisas boas que nos aconteceram como fruto das experiências. Reserve alguns minutos para rever como viveu a experiência, ponderando o que funcionou ou não, o que você mais gostou, e qual a lição que você tirou. Esse tipo de experiência tem muito a nos ensinar, e refletir sobre as próprias vivências é uma fonte poderosa de sabedoria para melhorar a própria vida.

 

Passo 6: Observe os Efeitos do Contato de Qualidade com a Natureza

Com a prática desses passos (de 1 a 5), você sentirá efeitos de melhoria global na sua vivência. Observe esses efeitos, que servem como terapia para corpo mente e espírito. Eles também se refletem na realidade em que você vive. As ações que conscientemente escolhemos para nos beneficiar individualmente se propagam como uma onda que contagia e modifica o nosso contexto. Essa sintonia pessoal com a natureza há um efeito multiplicador que, além de te fazer sentir melhor consigo mesmo, também influencia positivamente tudo que está à sua volta: as pessoas que te circundam se sentirão melhor na sua companhia e se relacionarão melhor com você. Observe e sobretudo aproveite!

 

Passo 7: Comemore! 

Se você realizou todos os passos, comemore!  Se praticou pelo menos 1 ou alguns deles, também comemore porque é já um começo! Se tratando de contato de qualidade com a Natureza, comemore o fato de ter vivido esse revitalizaste processo, ou de ter se predisposto a começa-lo! Mesmo ter chegado ao fim deste post é já um bom motivo para comemorar, pois você completou algo que iniciou e leu un texto que pode realmente ajudar a melhorar a sua vida! Celebrar é um modo de agradecer a nós mesmos pelo bem que nos fazemos, e isso melhora a nossa vida e aumenta a chance que as coisas pelas quais somos gratos também aumentem na nossa vida! Você também é natureza, e se ela pode te encantar, você também é capaz de encanta-la, e encantar o mundo com a sua autenticidade! Lembre-se de quanto importante você é: cada um de nós nasce com dons especiais capazes de contribuir com a melhoria do mundo.

Convido você a contar o que você acha do contato de qualidade com a natureza: conte uma história que você passou na natureza, compartilhe a sua experiência ou nos deixe um comentário!

 

Posts que me deram inspiração para escrever este post:

The Amazing Ways Nature Can Heal You and Make You Feel at Your Best” por Jill Richardson

Healing Through Nature” por Tim Brieske

 

Deixe a sua impressão, o que achou. Conte sobre a sua experiência na natureza, ou o que você quiser. Vamos adorar conversar sobre isso!

Valeu,

Amor em você!

Isa.

 

P.S. Nos acompanhe no FB: https://www.facebook.com/jayainsights

 

 

 

There was an issue loading your timed LeadBox™. Please check plugin settings.
Tags: , , , , , , , , , ,

Isa Gama

12comentários

02 jul, 2015

Bem Estar,  Ecopsicologia,  Meditação

Comentários

Chibata Roots

/02 ago, 2017

Obrigado, Isa…

Muito interessante esta temática e gostei muito de fazer o teste e saber os meus pontos forte e fracos com relação ao meu Poder Natural e minha relação com a Natureza. Estou passando por um processo de me reencontrar)comigo mesmo e com a Natureza… e ter a oportunidade de ler sobre isto me alegrou demais.

Obrigado!! e Jah Bless You!!

/04 ago, 2017

Olá!
Obrigada você pelo feedback!
Reencontrar-se é um percurso importante e leva à muita clareza do que realmente importa nessa vida!
Um abraço!
Isa

Selma

/14 nov, 2016

Oi Isa,

Maravilhosas dicas.

Eu já consigo estes diálogos do passo 4 e são profundamente gratificantes.
Que Deus a abençoe por ensinar este caminho para as pessoas.

/14 nov, 2016

Olá Selma!
Que bom que você gostou! Dialogar com a natureza não é coisa de maluco!!! Maluco é quem não sabe do valor dessas práticas!
Obrigada por compartilhar a sua experiência! E que você aprofunde sempre mais a sua capacidade de se sintonizar com que você é realmente: um ser lindo e naturalmente encantador!
Beijos!
Isa

Benedito Celso

/13 nov, 2016

relevante definição ! de grande contribuição, buscarei seguir a direção técnica apresentada nesse conteúdo muito bem explanado. obrigado Isa, um fraterno abraço!

/14 nov, 2016

Oi Benedito!
Obrigada você por apreciar meu trabalho! Estamos caminhando todos juntos nessa redescoberta de quem somos! É importante receber esse tipo de feedback! Além de me alegrar o coração, me ajuda a acreditar que aos poucos podemos melhorar esse mundo cheio de incompreensão.
São das coisas mais simples que devemos nos lembrar e praticar! Basta abrir o coração, e deixa-lo aberto! Assim tudo fica mais encantado, com gostinho de quero mais!
Abraços,
Isa.

Rocicleide

/05 out, 2016

Estou acessando o site pela primeira vez após a resposta do teste e estou achando interessante e acrescentador.
Valeu.
Um forte e fraterno abraço.

/14 out, 2016

Olá Rocicleide!
Que bom que você está aproveitando esse conteúdo! Fico contente!
Forte abraço para você também,
Isa.

Lorena Freitas

/01 jul, 2016

Gratidão Isa, por colocar a disposição seu dom de nos ensinar a (re)conectar com nossa natureza. Namastê _/_

/01 jul, 2016

Olá Lorena! Obrigada!
Eu realmente acredito que se reconectar com quem somos e com a nossa Terra é uma oportunidade para viver de verdade! Com muito mais felicidade!
Bjos e até mais!
Isa

Andrea Sacco

/01 dez, 2015

Fantástico Isa !!!

Obrigado pelas Dicas, já estou praticando.

/02 dez, 2015

Obrigada Andrea! que bom que vc gostou!!! bjao!!! Isa.

Digite um comentário

Enviar

Resolva a equação! *